domingo, 21 de fevereiro de 2016

Cidades rejeitam livros didáticos/2016 do 1º ao 5º ano com ideologia de gênero






Baseadas em denúncia do blog "de olho no livro didático", ( http://www.deolhonolivrodidatico.blogspot.com.br/2016/01/mec-nao-desiste-livros-de-2016-para.html ) Câmaras de Vereadores emitem requerimentos às Secretarias Municipais de Educação pedindo que os livros didáticos/2016 recomendados pelo Ministério da Educação (MEC) com Ideologia de Gênero não sejam trabalhados em sala de aula com os alunos.

A primeira cidade a tomar essa providência foi Goiânia, por iniciativa do vereador Dr. Gian Said http://www.jornalopcao.com.br/ultimas-noticias/vereador-denuncia-ideologia-de-genero-em-material-didatico-da-rede-municipal-de-goiania-57355/ , http://www.jmnoticia.com.br/index.php/2016/02/11/vereador-denuncia-ideologia-de-genero-em-material-didatico-da-rede-municipal-de-goiania/ , http://www.cnngospel.com.br/index.php/2016/01/31/17-vereadores-de-goiania-assinam-requerimento-que-suspende-distribuicao-de-livros-com-ideologia-de-genero/ , http://goias24horas.com.br/52357-livro-que-ensina-alunos-respeitarem-diversidade-sexual-revolta-vereador-evangelico-em-goiania/ ,

Assista a este vídeo sobre o requerimento contra os livros em Goiânia:

https://www.facebook.com/genero2016/videos/vb.197311430622432/198306590522916/?type=2&theater

Este outro vídeo comigo e o professor Dr Gian Said (Goiânia) mostrando os livros.

https://www.facebook.com/deolhonolivrodidatico/videos/vb.1557032667955306/1557625634562676/?type=2&theater

Assista a este vídeo comigo, o senador Magno Malta e os deputados Alan Rick e Antonio dos santos:

https://www.facebook.com/magnomalta/videos/vb.604028822974212/1044428228934267/?type=2&theater


A segunda cidade que tomou a mesma medida foi Araguaína (TO), por iniciativa do vereador Terciano  Gomes, http://www.paginagospel.com.br/noticias/2016/2/2/ideologia-de-genero-em-livros-do-mec-gera-protesto-de-pastores-e-padres-de-araguaina ,  http://www.jmnoticia.com.br/index.php/2016/02/20/livros-didaticos-que-falam-sobre-uso-de-camisinha-uniao-entre-gays-geram-polemica-no-to/ , http://g1.globo.com/to/tocantins/noticia/2016/02/livros-didaticos-que-falam-sobre-uniao-entre-gays-geram-polemica-no.html , http://portalgilbertosilva.com.br/noticia/14396/protesto-ideologia-de-g-nero-discutida-mais-uma-vez-na-c-mara-municipal-ap-s-mec-apresentar-livros-com-conte-dos , http://www.araguainanews.com/2016/02/livros-didaticos-que-falam-sobre-uniao.html ,

A terceira cidade a tomar essa atitude foi Ariquemes (RO), por iniciativa do vereador Amalec da Costa, http://www.ariquemesagora.com.br/noticia/2016/02/11/ver-amalec-da-costa-protocolou-oficio-solicitando-nao-adote-material-didatico-2016-do-mec.html,

A quarta cidade a livrar-se desse conteúdo deverá ser Palmas (TO) por iniciativa do vereador João Campos, http://www.portaldoamaral.com.br/vereador-pastor-joao-campos-requer-a-suspensao-da-distribuicao-dos-livros-didaticos-com-ideologia-de-genero/http://www.cnngospel.com.br/index.php/2016/02/12/ideologia-de-genero/,
Palmas confirma retirada dos livros: http://afnoticias.com.br/vereadores-aprovam-suspensao-de-livros-com-ideologia-de-genero-em-palmas/

A quinta cidade foi Picuí (PB) por iniciativa do vereador Joaquim Vidal.



A quinta cidade a se posicionar contrária a esses livros é Mogi Guaçu (SP) por iniciativa dos vereadores Luciano da Saúde e Pastor Elias, http://www.mogiguacuacontece.com.br/materia.php?id=43

Recife deverá ser a próxima capital a livrar-se desses livros: http://www.diariodepernambuco.com.br/app/noticia/vida-urbana/2016/02/24/interna_vidaurbana,628764/projeto-de-lei-pode-proibir-uso-de-livros-sobre-a-ideologia-de-genero.shtml

Vereadores interessados em fazerem o mesmo em suas cidades, deverão providenciar um REQUERIMENTO assinado pela maioria dos pares, à Secretaria Municipal das suas respectivas cidades. Tanto este blog quanto os gabinetes dos vereadores acima estão prontos para apoiá-los nessa iniciativa em proteção à formação das crianças.

Orley José da Silva, é professor em Goiânia, mestre em letras e linguística (UFG), mestrando em estudos teológicos (SPRBC).



Obs,:
Modelos de requerimento:





30 comentários:

  1. Cidades rejeitam livros didáticos/2016 do 1º ao 5º ano com ideologia de gênero

    ResponderExcluir
  2. Um absurdo ver isso, de vez os pais ensinarem no tempo certo, agora vao na escola p aprender o q n deve? Melhor ensinar em casa entao, n querem q as nossas crianças continuem na inocencia. So Deus p guardar as crianças do nosso pais. Deus n permitas essa porcaria chegar nas nossas crianças, amem

    ResponderExcluir
  3. Vereadores de Belo Horizonte e região metropolitana apóiem essa causa, nossas crianças não precisam desse tipo de conteúdo nas salas de aula, elas precisam é de mais qualidade no ensino fundamental e médio é não de aprenderem a deixar o uso natural das coisas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo plenamente com o sr. Sou pedagoga à 39 anos,
      isto é um absurdo! A família é à primeira escola doméstica, é nela que os pais tem por obrigação ensinar os filhos , valores a serem seguidos.Os pais são os melhores mestres! Os filhos se espelham nos pais, eles são para as crianças super heróis. O nosso país, está totalmente sem direção, sem metas,sem objetivos! O país está desgovernado! Brasileiros cristãos, precisamos nos reunir para dar um jeito nesta baderna, que está se transformando a nossa gente! Temos que pedir ajuda de Deus, pois sem Ele ficamos sem direção! Feliz a nação, cujo Deus, é o Senhor! Isso é bíblico. Com Deus somos tudo, sem Deus não somos ninguém. Precisamos de uma educação de qualidade, professores de qualidade e bem remunerados. O salário do professor é uma vergonha nacional! É isso aí, fica aqui meu desabafo, como professora de qualidade ,pois como sempre digo:O SABER PRECISA TER SABOR!

      Excluir
  4. Olá, você conhece bibliografias que não sejam favoráveis a ideologia de gênero.

    ResponderExcluir
  5. Boa noite. Apesar da vontade popular, estão trabalhando com projetos relacionados na escola. Preciso de matérias que não defendam a ideologia de gênero. E que defendam a diferença entre homem e mulher.

    ResponderExcluir
  6. A bíblia diz:mas se alguém fizer cair no pecado um destes pequeninos que crêem em mim,melhor lhe seria amarrar uma pedra de moinho no pescoço e se afogar nas profundezas do mar.
    Mateus: 18-6

    ResponderExcluir
  7. https://m.facebook.com/story.php?story_fbid=1505126753129608&id=100008968927744

    ResponderExcluir
  8. http://www.camaracacapava.sp.gov.br/site/vereador-marcello-prado-esta-preocupado-com-a-ideologia-de-genero-que-pode-estar-contida-nos-livros-didaticos-distribuidos-nas-escolas-de-cacapava/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Marcelo também sou de Caçapava como você, a criança nasce com um sexo definido, ou homem ou mulher, gênero masculino ou feminino o que é muito diferente da opção sexual, a criança vai fazer sua opcao sexual quando estver madura para tal, a escola não tem que idealizam a criança essa sempre foi a idéia das esquerdas que ascenderam ao poder, eu ha tinha pedido o apoio do Arnaldo Neto sobre esse tema, abraço.

      Excluir
    2. Marcelo também sou de Caçapava como você, a criança nasce com um sexo definido, ou homem ou mulher, gênero masculino ou feminino o que é muito diferente da opção sexual, a criança vai fazer sua opcao sexual quando estver madura para tal, a escola não tem que idealizam a criança essa sempre foi a idéia das esquerdas que ascenderam ao poder, eu ha tinha pedido o apoio do Arnaldo Neto sobre esse tema, abraço.

      Excluir
  9. um bando de ignorantes lutando por uma ideia retrograda e sem fundamento. Criancas precisam saber que trangeneros, homo ou bi sao tao normais quanto heterossexuais. Se nao vao ensinar isso em casa, aprenderao na escola. Melhorem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa... Seus argumentos são muito bem embasados, continue assim...
      Kkkkkkkk

      Excluir
    2. "IV - Ao tratar de questões políticas, sócio-culturais e econômicas, o professor apresentará aos alunos, de forma justa – isto é, com a mesma profundidade e seriedade –, as principais versões, teorias, opiniões e perspectivas concorrentes a respeito."

      E aí, cadê a coerência? Deixar de falar sobre isso vai contra a lei proposta! O argumento é simples: Diferentes orientações sexuais existem! Falar sobre elas não é desrespeitar ou obrigar as crianças a serem homossexuais, é só tratar de forma justa (séria e profunda, como diz a lei) um fato.

      Excluir
    3. As crianças sabem instintivamente que vc está errado e que é o verdadeiro ignorante. Melhore!

      Excluir
    4. Existem assassinos, estupradores , existe física e quimica avançada, existem diversas informações, nem por isto eu tenho que produzir livros sobre estes assuntos para que crianças fora da idade de compreenção destes assuntos leiam

      Excluir
  10. Dizer que "diferentes orientações sexuais existem" parece até um bom argumento. Mas, na verdade, é algo simplesmente nojento!!! Trata-se de querer sexualizar crianças e pré-adolecentes. Tentar "treinar" no campo sexual jovens que estão em plena idade da inocência, ou seja, de estarem estudando e brincando, é de uma perversidade e irresponsabilidade abjeta.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É isso mesmo, nossas crianças sempre foram educadas por suas famílias e não vai ser o Estado que vai tirar esse direito dos pais. Acordem, eles estão ensinando sexo nas escolas e destruindo as famílias!!!

      Excluir
    2. Está certissíma, a ideia é esta mesmo, destruir as famílias!

      Excluir
    3. Um adulto coerente sabe que criança não precisa aprender e não deve aprender sobre sexo. Isso cabe ao amadurecimento da idade e somente os pais sabem o que seus filhos devem aprender.PONTO FINAL!

      Excluir
    4. Um adulto coerente sabe que criança não precisa aprender e não deve aprender sobre sexo. Isso cabe ao amadurecimento da idade e somente os pais sabem o que seus filhos devem aprender.PONTO FINAL!

      Excluir
  11. Estou com a maluart8luzbtazil...
    Realmente é a mesma resposta que a filha de Bolo Gram deu sobre o 11 de setembro.
    Parabéns Malu.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Existem literatura e estudos sobre não ser normal essas orientações, com bases científicas. Mas são difíceis de se conseguir. É como se fossem censuradas.

      Tentem livros do Dr. Richard Coen em espanhol, disponiveis para download na internet.

      Excluir
  12. Sou a favor do Projeto Escola Sem Partido, que proíbe a ideologia de gênero, política e religiosa, por parte dos professores em salas de aulas, cabem às famílias essas infirmações e formações.

    ResponderExcluir
  13. Precisamos estar atentos e nos levantar contra essas aberrações que estão sendo impostas as nossas crianças.

    ResponderExcluir
  14. Precisamos estar atentos e nos levantar contra essas aberrações que estão sendo impostas as nossas crianças.

    ResponderExcluir
  15. Como esse projeto ideologia de gênero chegou na surdina até aqui?
    Agradeço a Deus não ter isso na minha infância e adolescência, tanta coisa q um adolescente vive com as mudanças hormonais, agora isso!

    ResponderExcluir
  16. Brasil sempre atrasado, enquanto o resto do mundo existem cursos de doutorado para ensinar crianças a respeitar a identidade de gêneros, aqui está lástima, isto me faz lembrar na época q foi homologado a lei do divórcio na década de 70 as intolerância de certos religiosos fundamentalistas, hoje muitos religiosos até se divorciam. Brasil dos atrasos.

    ResponderExcluir
  17. Quero expressar aqui o meu repúdio à ideologia de gênero. É lamentável o que está acontecendo em nossa pátria. Os valores da família está sendo subvertido por uma praga chamada ideologia de gênero, que tem a sua origem nas mentes de homens e mulheres depravados. Que ignora absolutamente a família. Contrariando assim a boa moral. Eu digo não a ideologia de gênero. Uma ideologia destrutiva e maligna, oriunda do INFERNO. Tendo como seu principal promotor o diabo e seus adeptos. Vamos lutar pela família.

    ResponderExcluir
  18. Eu li todos os comentários, todos estão certos e todos estão errados,devemos por força da LEI DE DEUS, deixar a natureza agir, sem interferência desta ou daquela ideologia. As pessoas se preocupam demais com situações que ainda ocorrerão. Ajam agora, principalmente, pais e educadores, a formarem homens e mulheres de bem, que lutem pela vida, pelos seus ideais, pela paz e justiça em nossa pátria. A 30 anos atrás ou menos, não era ensinado a ser político corrupto e pessoas corruptas(sim, pois não estão só na politica) então não se amofinem tanto por questões que quer queiramos ou não,já foi plantada a semente, se sair boa ou ruim não depende mais de nós, infelizmente, a mente humana é manipulável, salvo alguns gênios que conseguem se auto salvaguardar destas imundícies humanas. Me respondam se estou certo ou errado.

    ResponderExcluir