Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2015

AINDA NÃO GANHAMOS A LUTA CONTRA O ENSINO DA IDEOLOGIA DE GÊNERO NAS ESCOLAS

Acompanhar a regulamentação do Plano Nacional de Educação (PNE) nos estados e municípios DEVE SE CONSTITUIR EM PRIORIDADE PARA A IGREJA. Este Plano que deverá ser regulamentado em todos os estados e municípios até o dia 24 de junho, norteará a educação brasileira nos próximos 10 anos.
Além da atenção com as correntes políticas e ideológicas, o modelo pedagógico, o currículo e a natureza do investimento dos recursos financeiros, outro motivo de preocupação é o conceito de IDEOLOGIA DE GÊNERO. Isto porque, essa ideologia que foi rejeitada pelo Congresso durante a votação da lei do PNE 13.005/2014, entrou na pauta da mesma lei nos estados e municípios.
De acordo com essa teoria, a criança nasce sem um sexo definido. Quando a criança nasce não deve ser considerada do sexo masculino ou feminino; mais tarde, na adolescência ou juventude, fará a escolha para ser homem ou mulher. Essa é a chamada Identidade de Gênero ou Ideologia de Gênero. Na escola, não se pode chamar o aluno de menino o…